Dirigentes do CRECI-SC participam do evento Construindo Conceitos

Por Assessoria de Comunicação CRECI-SC

9 de Março de 2016

No dia 7 de março, lideranças da política e economia catarinense reuniram-se na FIESC para o lançamento da campanha Construindo Conceitos. O encontro foi promovido pela rede de comunicação RIC/Record e tem o objetivo de debater alternativas para enfrentar a atual crise política, econômica e social que abala o país.

O debate de ideias começou com uma palestra do jornalista Eduardo Oinegue. Ele falou sobre o potencial que Santa Carina tem em termos de infraestrutura e diversidade de sua matriz econômica. Porém, ressaltou que falta à sociedade civil, e principalmente ao empresariado, assumir a responsabilidade por colocar definitivamente o Estado no mapa. “Quando falam do Sul sempre fazem referência ao Rio Grande e Paraná. Mesmo sendo um Estado diferente e com vários bons indicadores, mas não consegue atrair investidores. Por quê? Precisamos trabalhar para entrar na percepção das pessoas e ter atitude de ir atrás das coisas. Este é um dos grandes desafios dos empresários”, disse Eduardo.

A seguir foi a vez do presidente da Assembléia Legislativa, deputado Gelson Merísio, assumir a palavra. Ele falou que neste momento o Brasil sofre de uma carência de líderes e necessita de reformas estruturais. Para ele, o Estado deve enxugar a máquina pública, diminuindo o número de funcionários e revendo a previdência dos servidores.

O último a falar foi o governador do Estado, Raimundo Colombo. Seu discurso seguiu o mesmo tom dos demais palestrantes. Ele enfatizou a necessidade de uma maior eficiência na aprovação de obras e aproveitou para criticar o controle exercido por instituições como a FATMA, por exemplo, que exige uma série de compensações para liberar uma obra. Ele destacou três pontos que, na sua opinião, devem ser trabalhados para que Santa Catarina volte a crescer: “precisamos cortar despesas na folha do funcionalismo público, alterar as regras da previdência e rediscutir a dívida do Estado com a União. Somente assim poderemos manter o Estado funcionando sem que precisemos aumentar os impostos”, disse o governador.

Para o presidente do CRECI-SC, Carlos Beims, disse que eventos como este são importantes para conscientizar os diversos setores da sociedade civil sobre os problemas que estamos enfrentando e buscar soluções para estes problemas. “Nós não podemos entrar no clima de confronto que temos hoje no Brasil. Temos, sim, que ter consciência do momento e buscar alternativas, com diálogo e compreensão. Temos um importante trabalho a fazer e a retomada do crescimento depende de como cada um vai encarar essa missão”. Além do presidente estavam presentes o diretor tesoureiro do CRECI-SC, Fernando Braga, e o segundo diretor secretário, Silvério Simoni.

Rua Trajano, 279. Edifício Trajanus, salas 101 e 102. Centro. Florianópolis | SC - CEP: 88010-010

CNPJ: 82.894.098/0001-32

Horário de funcionamento na sede: de segunda a sexta, das 9h às 18h.